terça-feira, 30 de março de 2010

Esotérico

A música... grande mistério da vida!
Eleva a alma... afaga o coração... refugia as idéias intrincadas e fincadas no meu ser.

Mistério sempre há de pintar por aí...

ESOTÉRICO (Gilberto Gil)


Não adianta nem me abandonar
Porque mistério sempre há de pintar por aí
Pessoas até muito mais vão lhe amar
Até muito mais difíceis que eu prá você
Que eu, que dois, que dez, que dez milhões, todos iguais
Até que nem tanto esotérico assim
Se eu sou algo incompreensível, meu Deus é mais
Mistério sempre há de pintar por aí
Não adianta nem me abandonar (não adianta não)
Nem ficar tão apaixonada, que nada
Que não sabe nada
Que morre afogada por mim.

3 comentários:

Neta. Evenice Neta disse...

Não adianta nem me abandonar!
"É leve" você. Que a música e a poesia te eleve a alma, os sonhos, a vida. "E leve-me" junto! =D

Lorena Lílian! disse...

o que seria de nós, meros mortais, se naum fosse a música para nos acalmar os animos,fazer voar a imaginação por um céu colorido e diverso que naum conhece fronteiras? aaah.. ouso dizer que naum seriamos os mesmos. sequer parecidos seriamos.. a música eh um dos pincéis com que pintamos nossa vida!
=D

s. disse...

nem sempre afaga o coração. afoga. ;~